PRESENÇA DA MEDIEVALIDADE NAS LITERATURAS DE LÍNGUA PORTUGUESA

Authors:FRANCISCO DINIZ TEIXEIRA 2, MÁRCIA MARIA DE MELO ARAÚJO 3, PEDRO CARLOS LOUZADA FONSECA 1
Institution1 UFG - Universidade Federal de Goiás (Goiás / Brasil), 2 Unesp - Unversidade Estadual Paulista (São Paulo / Brasil), 3 UEG - Universidade Estadual e Goiás (Goiás / Brasil)

Abstract

Este simpósio receberá trabalhos que tenham por objetivo examinar a presença de temas, formas e motivos do pensamento e da cultura medieval nas literaturas de lingua portuguesa, desde as suas origens até a modernidade. Essa presença poderá ser verificada nos vários gêneros de expressão literária, poesia, prosa, teatro e suas formas de desdobramentos. A medievalidade nesses gêneros e formas examinada nas literaturas de língua portuguesa deverá justificar-se pela verificação de caráter teórico e crítico-analítico de especificidades de conteúdos temáticos e formas de expressão literária em obras e autores que manifestem a influência estética e ideológica de aspectos formadores da visão e da mundividência medieval. Dessa forma, a investigação da medievalidade poderá ser pontuada e analisada em termos de aspectos temáticos ou conteudísticos, formais e técnico-expressivos. Especial acolhida será dada aos trabalhos que enfatizarem a prática da metodologia comparada em suas reflexões críticas e teóricas sobre temas, assuntos,  aspectos estéticos e ideológicos escolhidos. A periodologia literária escolhida poderá ser desde o trovadorismo galego-português e da cronística colonial brasileira até as mais variadas expressões estéticas da literatura portuguesa e brasileira da atualidade, devendo ocorrer nesse mesmo direcionamento, do passado para o presente, para o caso da lusofonia expressa nas literaturas de outras nacionalides.

Keywords: Medievalidade, Temas e formas de expressão, Literaturas de língua portuguesa


Minicurrículo:

FRANCISCO DINIZ TEIXEIRA

Francisco Diniz Teixeira é professor da rede estadual de ensino se São Paulo. Doutor em Estudos Literários pela Universidade Estadual Paulista de Araraquara (Brasil), desenvolve pesquisa em letras clássicas e vernáculas, tendo traduzido o De metris, de Caio Césio Basso. Atualmente dedica-se a pesquisas sobre o estilo tradutório de Filinto Elísio aplicado ás Odes, de Horácio e acerca do bestiário medieval.



MÁRCIA MARIA DE MELO ARAÚJO

Márcia Maria de Melo Araújo é professora de Literaturas de Língua Portuguesa na Universidade Estadual de Goiás (Brasil). Doutora em Letras e Linguística pela Universidade Federal de Goiás, desenvolve pesquisas em Estudos Medievais, com projeto sobre as cantigas de amigo dos trovadores galego-portugueses. É coautora, entre outros livros, de Mulher medieval e trovadorismo galego-português: o feminino e a feminização nas cantigas de amigo (2015).



PEDRO CARLOS LOUZADA FONSECA

Pedro Carlos Louzada Fonseca é professor aposentado da Universidade Federal de Goiás (Brasil). Ph. D. em Romance Languages pela University of New Mexico (USA), é autor, entre outros livros, de Bestiário e discurso do gênero no descobrimento da América e na colonização do Brasil (2011), Mulher medieval e trovadorismo galego-português (2015) e Mulher e misoginia na visão dos Padres da Igreja e do seu legado medieval (2017).