PRODUÇÃO DE SENTIDO: DA MORFOSSEMÂNTICA AO DISCURSO

Authors:LUCIANA MORAES BARCELOS 1, VIRGÍNIA BEATRIZ BAESSE ABRAHÃO 1
Institution1 UFES - Universidade Federal do Espírito Santo (ES)

Abstract

As noções de linguagem, língua, fala, discurso e sujeito estão permanentemente abertas a mudanças; afinal, muitas teorias são desenvolvidas a partir de novas tendências ensaiadas, mas outras, ainda que consideradas ultrapassadas, sustentam-se no domínio das possibilidades. Este simpósio visa discutir os processos de produção de sentido em três níveis: o da palavra, o da sentença e o do discurso. Propomos uma rede de discussões sobre os diferentes processos de produção de sentido, desde os níveis morfossemânticos até os semântico-enunciativos.

Kristeva, em seu livro História da Linguagem, aborda a realidade de alguns longínquos estudos que marcaram a história da linguística à medida que podemos compreender os diferentes pensamentos e seus respectivos argumentos cabíveis em um determinado momento histórico e cultural. Diante de caminhos tão diversos, observamos uma associação de discursos que se delimitam reciprocamente, uma vez que se constroem ideologicamente em posição de contestação.

Como sugerido pelo título original da obra de Kristeva (“Le langage, cet inconnu [1]”), os esforços para a compreensão da linguagem e de seu funcionamento correspondem também ao empenho de entender-nos. Nesse sentido, a obra, publicada em 1969 [2], anuncia o status da linguística como se dá hoje: movida pela necessidade de superar temáticas cristalizadas ou respostas insatisfatórias; mostrando-se uma ciência viva, constante e em evolução. Isso nos reforça que estudar a linguagem fornece um saber sempre mais preciso sobre o funcionamento significante do homem, de maneira tal que o reorganiza por meio dele, ao apropriar-se da linguagem da qual se constitui de forma indissociável e paradoxal.

A partir desse recorte, coadunam com este simpósio contribuições que versem sobre diferentes processos de produção de sentido, nos níveis morfológico, sintático e discursivo, numa busca de análise de fatos de linguagem que se encaminhem para discutirmos questões de pesquisa e de ensino.

 

[1] Em tradução livre: “Linguagem, uma desconhecida”.

[2] Edição traduzida para o português.

Keywords: produção de sentido, morfossemântica, semântico-enunciativo


Minicurrículo:

LUCIANA MORAES BARCELOS

Professora Adjunta na Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), doutora em Linguística e Língua Portuguesa. Docente do Programa de Pós-Graduação em Linguística (Ufes). Coordenadora do Grupo de Estudos DEALP - Descrição e Análise da Língua Portuguesa. Autora do livro “As aulas de Saussure: um retorno aos manuscritos”. Atualmente dedica-se a pesquisas em morfologia, além de atuar em estudos saussurianos, morfossintaxe, morfossemântica, semântica e ensino.

http://lattes.cnpq.br/6613755642155785.



VIRGÍNIA BEATRIZ BAESSE ABRAHÃO

Professora Titular do Departamento de Letras da Universidade Federal do Espírito Santo. Dedica-se aos estudos que busquem incrementar as possibilidades da Semântica nas salas de aula. Livro a ser lançado no próximo mês pela EDUFES: “Semântica, Enunciação e Ensino. http://lattes.cnpq.br/9827054504221272.