LÍNGUA DE HERANÇA: CONSTRUINDO PONTES ENTRE LÍNGUA(S), CULTURA(S) E DIDÁTICA(S)

Authors:CAMILA LIRA 1, LAYLA JOCHMANN 1, TATIANA MAZZA SURER 2
Institution1 EUV - Europa Universität Viadrina (Brandenburg/Alemanha), 2 SSW - Stadtschulrat für Wien (Viena/Áustria)

Abstract

Língua de Herança é um tema amplo e cheio de nuances próprias de sua situação de contato com uma ou mais línguas majoritárias. Com o intuito de discutir as relações entre temas interdisciplinares, como contato linguístico, comunicação intercultural e didática, este simpósio tem como foco discutir as relações da Língua de Herança evidenciando os efeitos causados pelo contato com a(s) língua(s) majoritária(s), focando em três aspectos:

  • Transferências de aspectos linguísticos e culturais;

  • Desafios na compreensão da comunicação intercultural;

  • Estratégias didáticas que integrem aspectos comuns da Língua de Herança e da(s) língua(s) majoritária(s).

 

Nesse simpósio propomos um diálogo entre pesquisadores, professores, pedagogos, sociolinguistas, antropólogos, entre outros, que se debruçam sobre os temas relacionados à Língua de Herança para discutir como se dão as relações político-linguísticas entre a Língua de Herança e a língua local, as consequências sociais e identitárias desse bilinguismo e consequentemente as diversas formas de ensino da Língua de Herança. Dessa forma, é objetivo principal desse encontro a discussão sobre as consequências que essas relações, suas convergências, divergências e contatos trazem para o Falante de Herança e para a sociedade multilíngue como um todo.

 

Propomos, ao final, como resultado das discussões travadas ao longo do simpósio, apontar ideias para uma convivência entre a Língua de Herança e a língua majoritária, bem como discutir possíveis caminhos para desenvolver e fortalecer as Línguas de Herança em seus diversos contextos, seja no âmbito político e social, seja no âmbito familiar e individual, a fim de preservá-las.

Keywords: língua de herança, línguas em contato, cultura, identidade, didática


Minicurrículo:

CAMILA LIRA

Graduada em Letras - português e alemão - pela Universidade de São Paulo; mestre em Alemão como Língua Estrangeira pela Universidade Ludwig Maximiliam de Munique; doutoranda em Linguística pela Europa Universität Viadrina desde setembro/2015. É pesquisadora e professora de Português como Língua de Herança e Língua Estrangeira em Munique, coordena a associação Linguarte. Faz parte do comitê executivo do SEPOLH – Simpósio Europeu de Português como Língua de Herança.



LAYLA JOCHMANN

Graduada em Letras com habilitação em português e literaturas de língua portuguesa pela Universidade Federal da Grande Dourados, em 2011; mestre em Linguística Geral pela Universidade do Porto, em 2014; doutoranda em Linguística pela Europa-Universität Viadrina desde abril/2015. É professora de Português como Língua Estrangeira (PLE) na Iberika Sprachschule [Berlim] e professora de PLE e Português como Língua de Herança para crianças na Associação Bilingua e.V. na cidade de Berlim.



TATIANA MAZZA SURER

Doutora em Estudos Linguísticos com ênfase na história da língua portuguesa pela UNESP - campus São José do Rio Preto.  Desde 2014 atua como professora-responsável pelo ensino de Português como Língua de Herança na educação primária das escolas de Viena. Na área de pesquisa, dedica-se às questões didáticas e metodológicas do ensino de Português como Língua de Herança.