LINGUAGEM E COGNIÇÃO: O EMPREGO DA FMRI COMO FERRAMENTA INTERDISCIPLINAR DE PESQUISA

Authors:SAULO CÉSAR PAULINO E SILVA 1, SAID R. RABBANI 1, HERNÁN JOEL CERVANTES 1
Institution1 USP - UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO (SÃO PAULO - BRASIL)

Abstract

A proposta deste Simpósio vem ao encontro de uma tendência cada vez mais presente nos diferentes campos da pesquisa acadêmica, que é o uso da interdisciplinaridade como recurso para o avanço das investigações científicas. As pesquisas a respeito do processamento da construção de sentido no cérebro ainda são relativamente recentes, entretanto sabe-se que há indícios do envolvimento dos dois hemisférios cerebrais, nessa ação. Pesquisas iniciais apontavam que o processamento linguístico seria realizado, quase que exclusivamente pelo hemisfério esquerdo (HE). No entanto, a partir dos anos de 1990, estudos passaram indicar a participação decisiva do hemisfério direito (HD) nesse processo. É fundamental destacar que a ativação de áreas contralaterais do hemisfério direito (HD) tem sido frequentemente registrada nos estudos  em que são empregadas as técnicas de neuroimagem, em experiências que dizem respeito a compreensão e  produção, nos modos oral ou escrito, de acordo com Scherer (2009).[1]Nesse cenário, as investigações têm apostado em ferramentas interdisciplinares para a busca de algumas respostas, empregando-se para isso, por exemplo, o uso da ressonância magnética funcional (fMRI)[2] e, em alguns casos,  o emprego da tomografia por emissão de pósitron (PET)[3], cujo objetivo é aprofundar as   investigações com base neurofisiológica.

 

[1] SCHERER, Lilian Cristine. Como os hemisférios cerebrais processam o discurso: evidências de estudos comportamentais e de neuroimagem. (P. 77- 102). In: Linguagem e Cognição: relações interdisciplinares.. COSTA, Jorge Campos da. e PEREIRA, Vera Wennmacher. (org). Porto Alegre: EDIPUCRS, 2009. http://www.pucrs.br/edipucrs/linguagemecognicao.pdf Acesso em 18/06/2018.

[2] Functional Magnetic Ressonance Imaging

[3] Positron Emission Tomography

Keywords: Iinterdisciplinaridade, linguagem, cognição, fMRI, neuroimagem


Minicurrículo:

SAULO CÉSAR PAULINO E SILVA
Doutor em Linguística Aplicada pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Pós-doutorando na Universidade de São Paulo, vinculado ao Laboratório de Ressonância Magnética, onde, sob a supervisão do Prof. Dr. Said R. Rabbani, desenvolve pesquisa sobre a o uso da ressonância magnética funcional como ferramenta interdisciplinar na construção de sentido em eventos audiodescritos pela pessoa cega congênita.

SAID R. RABBANI

Doutorado pela universidade de Oxford, Inglaterra. Livre docente pela Universidade de São Paulo e Professor do Instituto de Física da USP.



HERNÁN JOEL CERVANTES

Doutor em Física pelo Instituto de Física da USP e pós-doutorando em redes neurais pelo Instituto de Física da USP. Pesquisador trabalhando no Laboratório de Ressonância Magnética especialista em tratamento de dados, ressonância magnética funcional e metabolomica.