GRAMÁTICA HISTÓRICA E DIALETOLOGIA DAS LÍNGUAS PORTUGUESAS

Authors:SEBASTIÃO ELIAS MILANI 1, NEUSA INÊS PHILIPPSEN 2
Institution1 UFG - Universidade Federal de Goiás (Goiás/Brasil), 2 UEMT - Universidade do Estado do Mato Grosso (Mato Grosso/Brasil)

Abstract

Esse Grupo Temático tem por objetivo discutir aspectos da ocupação linguística do território, a origem e história da língua portuguesa do Brasil, o desenvolvimento dos falares nas perspectivas diatópica, diastrática e diafásica, a relação dos fonemas e das letras, que envolvem os aspectos lexicais, morfológicos e sintáticos da língua brasileira nas perspectivas sincrônica e diacrônica. Neste contexto, compreende-se a importância da proposta em mobilizar os pressupostos teóricos da Gramática Histórica e da Dialetologia para a compreensão da evolução e mudanças em distintos níveis da língua, desde a sua origem até a época presente. Para tanto, o trabalho dialetológico, que registra, com afinco, as variações linguísticas presentes em diferentes contextos geográficos e a heterogeneidade cultural de distintos países, mostra-se pertinente à verificação dos usos linguísticos nas perspectivas elencadas. Nosso objeto de discussão pretende, deste modo, abarcar estudos que contemplem teórico-metodologicamente a investigação de fenômenos linguísticos sobre a língua falada em seus diferentes níveis e perspectivas, para que se possa vislumbrar as línguas portuguesas contemporâneas, em suas nuanças geográfica, sociocultural e estilística, sem desconsiderar a sua costura histórica, moldada por diferentes falares e povos que a usam. Aceitamos trabalhos sobre sincronia e diacronia das línguas portuguesas de qualquer nação, sobre as temáticas em foco, sem a perspectiva da comparação entre elas. Os trabalhos devem versar sobre os falares em língua portuguesa, se do Brasil, deve ser a língua portuguesa brasileira, se de Portugal, a língua portuguesa deste país, se de Angola, a língua portuguesa falada em Angola e assim cada nação com sua língua: Moçambique, Guiné-Bissau, Cabo Verde, Timor Leste, São Tomé e Príncipe e Guiné Equatorial.

Keywords: Gramática Histórica, Dialetologia, Línguas portuguesas


Minicurrículo:

SEBASTIÃO ELIAS MILANI

Sebastião Elias Milani possui graduação em Letras pela Universidade Estadual Paulista, Mestrado e doutorado em Lingüística pela Universidade de São Paulo, subárea Historiografia Lingüística. É professor Universidade Federal de Goiás – UFG desde 2003. Tem experiência na área de Lingüística. Ensina na graduação em Letras: Fonologia, Morfologia, Semântica, Linguística Diacrônica, Sociolingüística, e na pós-graduação: Historiografia-Lingüística e Gramática Histórica da Língua Portuguesa do Brasil.



NEUSA INÊS PHILIPPSEN

Neusa Inês Philippsen possui graduação em Letras pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná (1998), mestrado em Estudos Linguísticos pela Universidade Federal de Mato Grosso (2007) e doutorado em Letras pela Universidade de São Paulo - USP (2013). É professora da Universidade do Estado de Mato Grosso. Tem experiência nas áreas de Letras/Linguística, com ênfase em Sociolinguística/Geolinguística, Linguística Aplicada e Língua Portuguesa/Diacronia, na graduação e pós-graduação.